Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional – Orientações para implementação nos municípios.

Prefácio:

A importância da vigilância alimentar e nutricional

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) reconhece a relevância do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN) e entende que ele deve ser incorporado às rotinas de atendimento da atenção básica à saúde, devido à importância das ações de vigilância alimentar e nutricional voltadas especialmente para o público infantil.

O SISVAN é uma ferramenta capaz de produzir informações de grande importância para a qualidade de vida das crianças e famílias brasileiras, como disponibilidade de alimentos; aspectos qualitativos e quantitativos da dieta consumida; práticas de amamentação e perfil  a dieta complementar pós-desmame; e identificação da prevalência da desnutrição energéticoproteica, entre outros fatores relacionados às enfermidades crônicas não transmissíveis.

O acompanhamento do estado nutricional de cada criança é fundamental para detectar uma situação de risco, apontando para o desenvolvimento de ações que possibilitem a prevenção de seus efeitos e a garantia da reversão ao quadro de normalidade.

Portanto, é com muita alegria que nós, do UNICEF, apresentamos esta publicação, em parceria com a Coordenação Geral da Política de Alimentação e Nutrição – CGPAN, do Ministério da Saúde, destacando a necessidade de orientar gestores e profissionais de saúde dos municípios quanto à implementação do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional.

O UNICEF reconhece o potencial dessa iniciativa e acredita que as informações apresentadas ao longo desta publicação auxiliarão os gestores públicos na gestão das políticas de alimentação e nutrição e na garantia dos direitos de cada criança a sobreviver e se desenvolver plenamente.

Marie-Pierre Poirier

Representante do UNICEF no Brasil.

 icon-download  br_cartilha_sisvan

Fonte: Unicef Brasil