XXIV ENBRA – A nova gestão pública

Como inovar na gestão pública? Esse foi uns dos questionamentos do painel “Administração pública e a gestão inovadora” apresentado pelo ex-prefeito de Santo Ângelo-RS, o Deputado Estadual e Adm. Eduardo Loureiro e pelo prefeito da província de Manabí no Equador, Mariano Zambrano na manhã do primeiro dia do XXIV Encontro Brasileiro de Administração (Enbra) e XI Congresso Mundial de Administração. O painel foi mediado pelo presidente do CRA-MG, Adm. Afonso Victor Andrade.

Para Eduardo Loureiro, o setor público precisa incorporar as técnicas de administração para se possa exercer uma gestão mais eficiente. Loureiro fez uma apresentação da história da administração pública – patrimonialista, burocrática e gerencial. De acordo com ele, o modelo gerencial é o ideal, pois “significa a introdução da cultura e das técnicas gerenciais modernas de administração pública, pautada pela busca da eficiência, redução de custos e aumento da qualidade focada sempre no cidadão”. “O desafio é construir um Estado focado para o resultado. Nesse ponto, os administradores têm papel fundamental. Este é o caminho, esta é a discussão”, defendeu.

Mariano Zambrano falou um pouco de Manabí, província localizada no noroeste do Equador, destacando que, no local, a gestão pública é realizada buscando-se usar as técnicas gerenciais defendidas por Loureiro. “Administrar é importante, mas administrar bem é essencial para alcançar êxito”, afirmou.

Assista a íntegra da palestra aqui:

 

 

Ana Graciele Gnçalves

Assessoria de Imprensa CFA